Fascinante Albrecht Dürer

19 03 2017

Esta manhã,  no MNAA,  fizeram-me ver para o retrato de S. Jerónimo, de A. Dürer. E como vi o que vi, nunca mais verei as obras deste artista de outra maneira. Depois reli uma  crónica que Anabela Mota Ribeiro escreveu sobre este pintor. Mais curiosa fiquei, e o fascínio cresceu.

Autorretrato de 1498, Museu do Prado:
Autorretrato_Albrecht_Dürer,_Prado

 

A Lebre de 1582.

Começou com a barba deste velho senhor, chamemos-lhe s. Jerónimo:
download





Naturea

18 02 2012

Não há coincidências. Na mesma semana em que a veterinária nos recomenda uma nova ração, de imediato aprovada pela Paloma e pela Micas, sai uma reportagem no Expresso sobre um prémio que a Naturea recebeu. Recomendo. Quero dizer, as miúdas recomendam.

Concordarão que a caixa de biscoitos da Paloma, de tão bonita, é uma tentação por si só. Também havia de morango, mas preferi não arriscar porque aí a Paloma teria que dividi-los comigo…





“que requeza”

5 02 2012

Como já li o Mau Tempo no Canal, já vi dançar a chamarrita na Menhenha, já subi o pico do Pico e desci a Furna do Enxofre na Graciosa …

Recomendo que oiçam oiçam aqui a voz de Vítor Rui Dores sobre a fonética dos Açores. Uma requeza.





Falemos de comidinha

10 10 2011

Nunca achei grande piada a programas de culinária na TV. Quer dizer, quando era miúda eu seguia a o chefe Silva, mas preferia ler as receitas na TeleCulinária. Mas no outro dia, completamente por acaso, vi o chefe Olivier e fiquei fã do programa em que ele prepara um manjar em 30 min. Fiquei a ver e gostei. Principalmente gotei das dicas, tipo, molhar o papel vegetal antes de forrar a forma das tartes.





Isto anda tudo ligado

7 10 2011

Aproveitando o feriado de 4ª feira, finalmente comecei a ler a sério o livro de Teolinda Gersão, A Cidade de Ulisses. Adoro, adoro.

Como é que eu ainda não conhecia esta autora?

tzztzztzz A Zé anda a dormir.

Se ler Teolinda Gersão é um prazer, ouvi-la não é menos. Comprovem:





Pelos olhos dos pequeninos

8 08 2011

Ontem gostei muito de ver a Grande Reportagem da SIC. Hoje descobri que se trata de uma repetição. pouco importa,  A Explicação da Infância,  uma reportagem que recomendo vivamente.





Alécio de Andrade

28 06 2011

No mês passado comprei um postal para mim. Não para o enviar para outra pessoa. Não como recurso para as aulas. Comprei-o para mim.

Na semana passada, por acaso, descobri a galeria de fotos de Alécio de Andrade. Parece que é um fotógrafo famoso. É impressionante como são tantas as pessoas famosas que não conhecemos.

Chegando ao ponto.
No meio da galeria encontrei a foto que me levou a comprar o postal. Nem parece meu: gostei de uma foto e não fui procurar o autor.

Esta é a foto. Faz parte de uma série intitulada The Louvre and its visitors.